Embed from Getty Images

O filme “O nome da rosa” (1986) conta a história de William de Baskerville (Sean Connery), um monge franciscano, e Adso von Melk (Christian Slater), um noviço, a partir da chegada de ambos, em 1327, a um mosteiro no norte da Itália. Os dois chegam para um conclave, mas vários assassinatos acontecem no mosteiro. William de Baskerville começa, então, a investigar o caso.

O filme é baseado na obra homônima de Umberto Eco e desenrola-se como um suspense policial. Razão, fé, provas, mentiras e torturas fazem parte do julgamento pela Santa Inquisição ao final do filme.

O filme está disponível na Netflix.